Frases para marcar a passagem do Papa Francisco pelo Brasil

  1.  Peço licença para entrar e transcorrer esta semana com vocês. Não trago Ouro, nem Prata, mas trago o que de mais precioso me foi dado. Jesus Cristo! Venho em seu nome. (pronunciamento de chegada, depois de ouvir a “presidenta” Dilma fazer um discurso de propaganda dos últimos 10 anos do governo PT, de quase 1 hora-22/07/2013).th2th
  2. Se conseguirmos canalizar toda esta força da Fé (aqui demonstrada) para um mundo melhor. Será uma energia enorme.    (Dom Darci, para o Programa Mais Você da Rede Globo, minutos antes da chegada do Papa em Aparecida-24/07/2013).
  3. “…não eram só Brasileiros, eram jovens do mundo inteiro, correndo, querendo ver o Papa de perto. O que era esse fenômeno? Talvez seja o reflexo de uma crise cultural de hoje. Muitas vezes, os jovens se sentem um pouco órfãos de referências e o Papa representa isso.” (Cardeal Dom Odílio Scherer, em entrevista sobre toda a “paranoia da segurança”(sic) criada em torno do erro de caminho na chegada do papa que fez com que ele ficasse preso em um congestionamento, cercado pelo seu rebanho- 25/07/2013).thCA6O38F7
  4. Nunca percamos a esperança! Nunca deixemos que ela se apague dos nossos corações. (Papa Francisco, em diversas vezes)
  5. A maior benção que você pode ter, é a benção do Papa. Não pediria nada para mim, porque minha vida foi muito boa. Esse é um país com uma população sofrida e ele veio em um momento muito importante para o Brasil. (Oscar Schmidt, maior jogador de Basquete do Brasil, recebendo a benção (ajoelhado) do Papa, na sua cabeça, onde enfrenta um tumor no cérebro-25/07/2013).

 

A visita do Papa Francisco foi ainda mais marcante do que a visita do Papa Bento XVI, quando canonizou Frei Galvão, e mais documentada do que a visita de João Paulo II. E foi cercada muito mais de um estilo pastoral, mas não deixou de denunciar como fazem os profetas as mazelas que encontrou no Brasil.

No próximo post, contarei sobre seu primeiro dia aqui e nos seguintes você vai perceber como a Liturgia foi agraciada nestes dias. Talvez você não tenha notado.           

Um novo Francisco

A eleição do Papa Francisco em 19 de março de 2013, foi em particular para mim, uma grata surpresa. Já na semana do Conclave, eu conversava com meu filho sobre o nome que o novo papa poderia escolher, e fazia votos que fosse Francisco (meu santo de devoção e um dos maiores exemplos de humildade de todos os tempos), já que nunca dantes houvera um papa de nome Francisco. Estávamos assistindo quando a fumaça branca saiu da chaminé no Vaticano, e após alguns minutos (eternos para quem está ansioso) o Carmelengo (acho que foi ele) anunciou que o escolhido tinha sido o Cardeal argentino Jorge Bergóglio e que este adotaria o nome de Francisco. Foi uma explosão de alegria com meu filho, festejamos muito (claro que a esta altura ele já tinha ciência de quem foi São Francisco), mas muito mesmo. Meu filho foi batizado com o nome de um Papa há 10 anos atrás. Depois eu desatei a chorar. Agora o Papa Francisco veio ao Brasil para a 28ª Jornada Mundial da Juventude. Infelismente eu não pude ir até lá, mas me incubei de duas missões:

  1. Orar incessantemente pelos jovens e toda a Igreja lá presente.
  2. Escrever um relato de tudo o que vi pela TV, ouvi pelo Rádio e li nos Jornais, além de ficar esta semana toda sem acessar a Internet.

A primeira missão foi fácil, já a segunda nem tanto. Na semana em que fiquei mais velho eu vi muitos Telejornais, li muitos Jornais e escutei bastante as Rádios de Notícias (CBN e Bandeirantes). Não fiquei preso em casa não, sai, andei, escutei também algumas reações nas ruas e escrevi o que vi e ouvi (claro fazendo meus comentários particulares). Nestes próximos dias pretendo transcrever tudo o que escrevi em uma espécie de diário, sem tirar nada nem por. Voltar a trabalhar neste Blog que quase abandonei por falta de tempo. E após as próximas 10 postagens retomar o Círculo Bíblico dos Atos dos Apóstolos (atualizei os novos textos com novas pesquisas e imagens). Imagem

Senhor, quem acreditou na nossa mensagem? E o braço forte do Senhor, a quem se revelou?

Cegou os olhos e endureceu o coração

de modo que não vêem com seus olhos, nem compreendem com seu coração,

nem se convertem para que eu os cure.

Jo 12,37-38. 40