Seguindo

Série: Não perca mais tempo 24/45

Deixar tudo em nome de algo, alguém, uma crença ou uma mudança de vida… Não é nada fácil…

Imagino como foi para cada pessoa chamada a seguir um homem, por uma questão de fé, deixar praticamente tudo e segui-lo. Para quem tem fé, hoje é fácil dizer que faria o mesmo. Mas faria mesmo?

Não viva deixando a vida te levar, mas também não viva preso a algo que te faça infeliz.

Tudo hoje em dia passa numa velocidade incrível. Eu percebi hoje que já se passaram quase 4 meses do ano de 2015 e sinto não ter feito nada de concreto ainda. Mas hoje em dia a vida cotidiana é isso, correria, sem que possamos realmente aproveitar o dia a dia.

Não cuidamos direito da nossa saúde, não conseguimos cuidar das nossas relações do dia a dia, não estamos vivendo como deveríamos.

Lembramos da nossa saúde quando já estamos doentes ou alguém próximo de nós esta…

Tentamos consertar nossos erros nas nossas relações apenas depois que estão tão deterioradas que parece impossível restaurar.

Não aproveitamos a vida!

Não vemos nossos filhos crescerem, porque temos sim que trabalhar para garantir que eles possam viver.

Eu sou assim também. Mas sei que tem pessoas diferentes e que felizmente podem usufruir das benesses da vida (não só financeiramente), então ainda tenho esperança.

O titulo da minha série é “Não perca mais tempo” , mas nunca quis dizer que esta sentença (será que estou dentro da gramática correta?) significa que você deve acelerar ainda mais a tua vida, e sim que devemos (me incluo nisto) focar no que de mais importante temos para fazer.

Cada passo nosso nunca é em vão. Acredite.

Para quem tem fé, Jesus mudou a vida de muitas pessoas, em particular a vida de seus discípulos (os 12 oficiais, mas é sabido que tinha mais), pois abandonaram tudo (barcos, casas, trabalho) para seguir o Messias, e depois de sua partida nunca mais seguiram suas vidas como eram.

Um sonho não pode permear toda uma vida

Série: Não Perca Mais Tempo – 23/45

Um sonho não pode permear toda uma vida…

Começo dizendo isso, pois percebo que muitas pessoas perseguem um sonho, mesmo que não tenham a mínima chance de alcançá-lo… ou até melhor Não buscam realmente realizar o sonho.

Parece que esta tão inalcançável e inacessível que não se pode realmente tocar, então fica apenas o momento de sonhar e realizá-lo nos recônditos do sono, do adormecido…

Por mais que se ache que a vida é longa, ela é curta… um sopro no infinito do universo… Hoje abri meus olhos e vi que passaram 24 dias do terceiro mês deste ano do Senhor de 2015, e acho que não fiz quase nada, apesar de ter vivido cada segundo… Meus sonhos estão perto, outros longe, mas faço tudo para realiza-los… Essas linhas aqui descritas são parte de muitos sonhos que são realizados, mesmo que poucas ou nenhuma pessoa leia…

Qual o seu sonho?

Não vale a pena ficar parado, perdendo tempo quando podemos fazer mais… Quem tem algum tipo de fé, deve apegar-se nela, sem deixar de trabalhar por seus desejos… quem não tem fé nenhuma deve ao menos acreditar em si mesmo, para conseguir realizar seus objetivos… Nenhum sonho é sem sentido, desde quando ele dependa das suas forças para torná-lo realidade.

O grande ator (e pena que falecido) José Wilker disse numa entrevista:

Somente no dicionário Sucesso vem antes de Trabalho !

Então o que acontece é que cada passo nosso tem que ser pensado (quando dá, não serei hipócrita) na direção de trabalhar por nossos sonhos, e é isso mesmo: Trabalhar por nossos sonhos.

Mas não da para ficarmos obcecados em realizar algo, se não queremos lutar por ele. Utópico?

Todo o nosso tempo de vida é precioso demais para ficarmos perdendo tempo com uma coisa só, e nem com mil sonhos se não tivermos a disposição de lutarmos por ele (ou eles).

Conheço pessoas que fazem da sua vida uma busca sem sentido, por algo que talvez nem queiram de verdade, e outras que envelhecem lamentando-se de não terem conseguido atingir, ou realizar seus desejos mais fortes…

Viver também requer pensar e muito…

Não perca mais tempo.

Perdoar não perdoando

Série: Não Perca Mais Tempo – 22/45

Perdão… O que tem por trás desta pequena palavra que a faz tão forte?

Se você pesquisar na Internet (porque tudo hoje é pesquisado nela, no Google em particular) vai encontrar na Wikipedia (verbete: perdão) uma frase que diz bem o que seria o perdão , na minha opinião.

” O perdão é o esquecimento completo e absoluto das ofensas, vem do coração, é sincero, generoso e não fere o amor próprio do ofensor. Não impõe condições humilhantes, tampouco é motivado por orgulho ou ostentação. O verdadeiro perdão se reconhece pelos atos e não pelas palavras.”

Perdoar é mais que aceitar desculpas por um mal entendido do cotidiano. Penso eu que deve acontecer algo de grande desagravo na relação entre duas pessoas, ou um grupo, ou uma família para que seja necessário um exame de consciência de quem supostamente cometeu o erro (para solicitar um perdão e não errar mais) e a(s) pessoa(s) que farão também um exame de consciência para poder realmente perdoar o outro.

É comum a pessoa “perdoada” sofrer sempre com o que popularmente chamaríamos de “jogar na cara” de quem supostamente perdoou e a todo momento ser relembrada dos seus “erros”. Onde está o verdadeiro sentido do perdão ai?

Na Bíblia tem alguns exemplos de perdão sendo o da parábola do Filho Pródigo considerado um dos maiores (Lucas 15, 11-32) onde um filho abandona a família após forçar o pai a dividir sua herança (sem se importar que a herança só deveria ser dada quando o genitor morre) e sai pelo mundo gastando o dinheiro sem lembrar que ele acabaria. Perde tudo, é humilhado, passa fome e lembra-se do conforto de sua antiga casa, acaba voltando, é perdoado definitivamente pelo pai (o irmão que ficara junto ao pai ainda terá que fazer o processo de exame de consciência para perdoar). Um perdão definitivo.

Geralmente o perdão familiar, digo de mãe e pai, é mais fácil do que o perdão em um relacionamento, seja amoroso ou de amizade é mais difícil e o processo é doloroso, mas não impossível.

O que vejo é que este sentimento de perdoar tem que ser pleno. Ou se perdoa ou não se perdoa. Essa de coisa de dizer que perdoar, mas não perdoar de verdade, de coração é pior do que a negativa de perdoar. E perdoar não é aceitar que a pessoa continue no erro, é dar seus votos de confiança para que a pessoa perdoada tenha a chance de se acertar, não de ficar discriminada para sempre.

Perdoar não perdoando é isso. Dar uma esperança para quem necessita do perdão, mas no fundo esta esperança nunca foi dada.

Perdoar é algo bom e maravilhoso, carregar um sentimento de raiva conosco é que é ruim. O ódio corrói e corrompe nosso intimo, nosso ser. Quem vive pelo ódio e pela vingança não vive, vegeta.

Falando de perdão a Parábola do Filho Pródigo em forma de música coma a Banda Adoração e Vida:

Na Wikipedia:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Perdao

No Dicionário Aurélio: 

1 Remissão de culpa, dívida ou pena.
2 Absolvição, indulto.
3 Benevolência, indulgência.
4 Fórmula que exprime um pedido de desculpas.

No Dicionário Michaelis:

perdão
per.dão
sm (de perdoar) 1 Remissão de uma culpa, dívida ou pena. 2 Indulgência. 3Desculpa. 4 ant Romaria bretã. interj Voz com que se pede desculpa.per.da.van.te adj (per1+de+avante) ant Por diante.

No Dicionário Online InFormal:

(http://www.dicionarioinformal.com.br/perdao)